Sobre bambus

 

 

 

 

 

Este cavalheiro

cresce e cresce

auspiciosamente:

aprenda com ele

e tu sempre florescerás.

Otagaki Rengetsu (1791-1875)

poeta e ceramista japonesa do século 19.

.

A vida é um campo fecundo de bambus ao vento

nasce do chão mais profundo

da raiz brota a pele

da terra, os pés

do sol, cabeças

do vento, sonhos.

.

Pensamentos são levados por entre mares de folhas

em viagens telúricas

animadas por

luas aquecidas

em sóis distantes.

Mensagem do último eclipse:

bambu não viceja sozinho.

.

 

Anúncios

2 comentários sobre “Sobre bambus

  1. Obrigada. :)
    E eu dei uma espiada no seu blog, é um mundo, gostei demais das suas poesias e das que coloca ali, vou sempre voltar…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s