Feitos um para o outro

 

 

De dentro a dentro

cinzas
que se pensavam mortas
vivem
no que se pensava fora
e é por dentro
da estrela
que se transforma
a prata
que se transborda
em ouro
para dentro do
sol

 

 

 

 

Juçana Corrêa


PS:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s