Carma Coletivo

 

 

 

 

 

 

 

 

No chão em que tudo acontece

Todos os caminhos brotam ao sol

As flores e as aves amanhecem

No chão de todos os caminhos

Os seres um dia encontram seu fim

Os ovos e os frutos sua estrela

No chão onde o fogo se extingue

Os mortos se enterram

O futuro espera

No chão onde as águas penetram

As raízes fazem casa

O passado mora

No chão de todos os carmas

Onde o soberano tempo reina

O passado deita, rola e se descava

 

 

Acorde!

 

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “Carma Coletivo

  1. Muito intensa sua poesia, também muito bonita. Achei melhor responder seu comentário já aqui no post referido.

    Carma coletivo, nosso Brasil… e eu estou bem aqui nesse momento, aliás, nunca deixei de estar aqui, quando não fisicamente, certamente, sempre em pensamento e sentimento. Sabe a gente não se desliga, é uma ilusão achar que por estar fora não se pertence mais…

    Ao mesmo tempo, Carma, mesmo o coletivo, nem sempre é ruim. Nós estamos num momento de conscientização coletiva, e a sujeira de debaixo do tapete precisa ser vista e retirada. Colhemos os frutos do que foi semeado no passado, e em algum momento, coletivamente, isso teria que ser expiado, acho que começamos essa limpeza.

    Mas antes da limpeza, ou o começo dela, tudo parece caos, tudo nos parece muito pior, muito maior e sem solução. Eu ainda acredito que essas mudanças começam dentro de cada um e assim se forma o coletivo. Você como educadora que é, tem uma tarefa de vida linda, de responsabilidade enorme, que é o de semear ideias, ajudar abrir as mentes jovens, o futuro. Sim, você está ajudando a criar um futuro melhor, esse é o seu Carma, muito bom por sinal. É pouco numa sociedade enorme como a nossa, mas é de pouco em pouco que se constrói ou edifica uma nova visão. Eu acredito no destino diferente e especial que algumas pessoas tem, como uma tarefa de vida, o trazer o novo e renovar o mundo, mesmo que em pequena escala, mesmo que seja somente o mundo dela própria.

    Você bem sabe, muito melhor do que eu, que, em se tratando do coletivo, a coisa toda é muito demorada, conforme o transito dos próprios planetas no sistema solar.

    Aliás, se não me falha a memória, naquele seu post sobre Saturno, acho que você explicou que o Brasil estaria (está) transitando por ele (ou o contrário, rs), mas turbulências eram certas que viriam. Mas não podemos esquecer que, os planetas maléficos são também os que iniciam, e antes que isso ocorra, todo o velho há que ser demolido pra dar espaço ao novo. Essa é a renovação e estamos num período de renovação…

    Falando ainda em Carma, talvez pela nossa própria ignorância, Carma tenha menor peso, naquele sentido que Jesus falou: “Pai, perdoai-os pois eles não sabem o que fazem” – ou alguma coisa assim, rs.

    Quanto a comentar lá no Anoitan, não esquenta, tem vez que a gente fica assim sem vontade de comentar mesmo, é normal. :)

    bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s